Adicionar aos favoritos

A floresta misteriosa

Uma vasta floresta cheia de mistérios cerca uma cidade onde tecnologia e ciência imperam.
Uma terra cuja população nativa polariza-se em dois grandes grupos, vivendo de maneira isolada e nutrindo uma aversão secular.
Antigas tradições e cultos da floresta chocam-se com a obsessão tecnológica dos que escolheram a vida urbana.
Mas a frágil paz entre os povos é ameaçada no dia em que sete estranhos surgem magicamente no meio da floresta…

Sete seres que nunca haviam se encontrado antes. Provindos de planetas e épocas diferentes, olham-se inicialmente com desconfiança, até que Zee, o mais descontraído de todos, procura abrir o diálogo. Todos percebem que falam o mesmo idioma, então lentamente a conversa vai tomando forma. Andrius, um policial estelar de pele azulada, permanece em silêncio assim como Buck, o mecânico terrestre.
Além de Zee, Mayla, uma das mulheres mais bonitas que todos já viram, tenta dar continuidade as apresentações, assim como Ziggy, um pequeno dragão roxo que mais parece um mascote, aparenta estar maravilhado com a possibilidade de interagir sem ser atacado. Ned, um jovem terráqueo, esboça algumas palavras, mas enrubesce toda vez que começa a falar. Alicia, a atleta, também não fala muito, apenas estala o maior número de ossos que consegue.

Os Sete

A vegetação exótica da floresta

Depois de alguma conversa, concluem que nenhum deles sabe como foi parar ali. Concluem ainda, que devem permanecer juntos, até que descubram onde estão e porque foram transportados a este lugar tão estranho, dotado de uma vegetação exótica e colorida. Andrius não aprecia muito a idéia de juntar-se a um grupo, mas cede ante a coerência da decisão. Buck procura colocar-se como líder do grupo, angariando uma antipatia praticamente unânime.

Os sete passam a trilhar o lugar, observando suas características estranhas e buscando um encontro com os nativos. Após quase um dia de trilha, encontram uma muralha que, além de ser muito alta, apresenta um intimidador campo de força que fica pulsando em vermelho, acima da construção. Parece tratar-se de uma cidade. Então gastam mais algumas horas circundando o muro até encontrarem uma entrada fortemente blindada. No portão, uma grande esfera negra luminosa chama a atenção de todos tanto por sua beleza quanto por seu aspecto enigmático.

A muralha e o campo de força

A aldeia desconhecida

Sem revelar sua presença, ponderam se devem tentar entrar. Andrius, sempre atento, nota a uma distância muito longa, no meio da floresta, fumaça. Parece sinal de outra civilização.

Agora será que devem seguir até a cidade ou procurar o povo da floresta?

Quantas aventuras perigosas poderão estar envolvidas nesta descoberta?

É hora de descobrir.

Jogue e acompanhe os nossos personagens em sua corajosa aventura.
Cada jogo carrega uma história e a cada clique você saberá um pouco mais sobre os costumes e os mistérios escondidos pelo Mundo de Mura.